28 abril 2014

Serra da Estrela


Foi ver a neve pela primeira vez, mas inteligentemente diz "Não é neve, é gelo" sem que isso lhe tire o entusiasmo por aquela coisa branca e fria que tanto aparece nos filmes da época natalícia.
Acampámos na Serra, choveu todo o sábado e esse para ela foi o melhor dia do fim-de-semana: brincou com  novos amigos no café, fomos experimentar um muro de escalada, fizemos uma aula de ioga e outra de pilates e à noite houve música e slackline.

Por qualquer razão, hoje, não tinha memória para a rotina: esqueci a aula de viola, onde tinha posto a carteira, ainda não recordei onde guardei os documentos do carro e quando cheguei ao arquivo tive de fazer um esforço descomunal para me lembrar o que tinha pesquisado no último dia e o quais os planos para hoje.

Foram 3 dias, mas pareceram umas férias.

Viva a Serra!

21 abril 2014

A Primavera chegou à minha varanda!

Morangos, couves, hortelã, flores, ervas de cheiro, buganvilia... e até pombos (!!!) - tudo cresce na minha varanda!!!

08 abril 2014

saúde!

Depois de uma semana de doença finalmente acordei sem pensar em analgésicos.
Adeus dores, febres, dores, vómitos, dores, dores... Foi uma semana má. Não acabou de todo, a tosse cá fica alojada no meu corpo mais uns dias (está-se bem, não é? É um bom corpinho para chatear).  Mas às outras todas já lhes dei ordem de despejo - definitivamente, espero.

Não há nada como estar mal para valorizar a normalidade.

Já diz o outro "A saúde é um estado transitório que não augura nada de bom".

E esta passarada toda no parlapié que ouço pela janela parece que me veio dar as boas-vindas.

É linda, a Primavera...