25 maio 2012

o medo do imposto

Será que algum dia vou conseguir preencher a declaração de IRS sem recear que o senhor de pasta preta me venha bater à porta 5 anos depois e levar-me todo o meu dinheiro e obrigar-me a pedir emprestado para pagar juros sobre um erro que cometi?
Parece-me cada vez mais fácil preencher, mas tenho sempre tanto medo. Quero ser a pessoa mais limpa e transparente, mas mesmo assim carregar no "submeter" é tão assustador.
Gostava de ter muito dinheiro, para não ter de me preocupar com multas. Já agora com o dia-a-dia: a casa, a eterna indecisão sobre o passe (sai mais barato ou mais fica igual a andar de carro?), conseguiria pagar TVcabo?, faço desporto duas ou uma vez por semana?, a Marianita vai ter ginástica? e etc, etc, etc.
- Ó IRS, multas não, por favor!
Seria o meu dinheiro mais mal gasto...

2 comentários:

Paula disse...

Por ter receio de me enganar fui às Finanças. Alguma coisa boa tinha que haver em Mértola. A repartição de Finanças é do melhor que há (espero). Mais uma vez, levei as minhas contas e as minhas dúvidas, fui atendida imediatamente pelo chefe da repartição e ele próprio fez a minha declaração :)
E quanto à ginástica também tenho essas dúvidas (embora aqui não haja nada para o André). Mas gostava muito que houvesse ou estar perto do GCP para o inscrever (a ele e a mim :)). Beijinhos

mm disse...

E eu entreguei hoje uma segunda via... As dúvidas... Mas agora acho que está tudo certíssimo.