13 abril 2012

Hoje

I. Corri à chuva. Chuvinha fraca, por isso foi bom. Aos anos que não corria à chuva. É bom sentir as gotas a cair na cara e ficar ensopada. No ciclo e no liceu ficávamos encharcadas cada vez que chovia - punhamos-nos debaixo das goteiras para levar com a água com força na cabeça; subíamos escadas que pareciam pequenas cascatas, para ficar com os pés encharcados; e, ao atravessar a Praça de Espanha (que se tornava um lago), colocávamo-nos no sítio exacto onde apanhávamos em cheio com a água que os carros faziam saltar da berma. Hoje foram só umas gotinhas de nada, comparado com estes duches, mas teve qualquer coisa de regresso ao passado.
II. Apesar de gostar muito do meu BI e sentir pena por um dia passar para o CC, a verdade é que com o tempo a pena vai diminuindo e de vez em quando já anseio pelo dia 9/8/14, em que expira a validade do BI, e me livrarei do cartão de saúde, do cartão de eleitor, da segurança social, das finanças e da carta de condução. Podiam também arranjar um cartão único para lojas e juntar lá o Ikea, Decathlon, Pó dos Livros, Galp, e sei lá que mais. E já agora outro cartão único de investigação universitária onde se punha o cartão da cantina, o da biblioteca da FLUL, o de estudante, o de investigador, o da máquina de fotocópias da biblioteca, o cartão da Biblioteca Nacional e o da Torre do Tombo.
III. O meu forno é a minha Bimby. Meto uma travessa com legumes e peixe, tempero com sal, azeite e pimenta. Deixo 30 minutos no médio e tenho uma refeição maravilhosa que me deu pouco trabalho a fazer - foi só cortar e dispor.

Sem comentários: