19 maio 2008

Já está!

Pronto, lá despachámos a nossa operação de 20 minutos. Uma cagada! E demorou tanto tempo... Mas agora já está. Que alívio! Estamos em casa, ela está sem sapatos e eu não quero nem saber.
Quanto à operação: ela estava cheia de tosse e até foi um dos primeiros comentários que ouvi "Ai, essa tosse...". Aspirei-lhe o nariz às escondidas, fiz cócegas (mas não resultou) e fui almoçar enquanto ela era operada. A minha mãe ficou à espera.
Eu estava a comer um salmão seco e pronta a explodir. Estava com um medo horrível de chegar ao bloco operatório, a minha mãe não estar lá e encontrá-la no quarto com ela a dizer-me que tinha sido recambiada.
Assim, quando vi a minha mãe à porta comecei logo a dizer disparates: sobre comida, sobre as pessoas, "e no outro dia isto...". E passado uns 5 minutos chamaram-me, fui ter com ela, disseram-me que tinha sido operada e que tudo correu bem. Pronto, é mais uma miúda com tubos.
Agora já temos nova consulta marcada e, provavelmente, daqui a pouco tempo hei-de andar passada por estar à espera para fazer o exame. Mas ao menos este já foi.
Eu imaginava coisas más de mais: a otite a infectar e ela a ter meningites (li que podem ser causadas por infecções nos ouvidos) e como é que eu ia viver com o facto de ela ter uma meningite por ter tosse?! Paranóias. Mas eu estava mesmo paranóica.

Ela é toda gira e depois de ter berrado e esperneado um bocado, adormeceu. E quando acordou estava super bem disposta. Corria na cama, até ao limite do soro e comeu tudo muito bem. É o máximo!

Estou muito aliviada, mas andava com uma angústia tão grande que acho que ainda tenho tudo cá dentro à espera de explodir.

Sem comentários: